Mercado Imobiliário

O que é o IGPM e como ele funciona no mercado imobiliário?

Escrito por admin

Atualmente, o mercado imobiliário brasileiro tem sido valorizado, e muitas pessoas tem buscado conhecimento sobre o setor, principalmente aquelas que trabalham na área e desejam ampliar o conhecimento. Mas, como estamos em um país altamente burocrático, isso pode acabar não sendo tão simples, principalmente com as constantes variações na economia.

Por essa razão, aprender o que é o IGPM e como esse índice funciona para os imóveis pode ser essencial para trabalhar em imobiliárias e até mesmo como corretor autônomo.

Você sem dúvidas já ouviu falar dessa sigla, mas não consegue compreender corretamente o que é seu conceito e qual é a sua real influência sobre o valor de um aluguel ou de uma propriedade. Confira a seguir tudo o que você precisa saber sobre o IGPM e a forma com a qual ele funciona no mercado imobiliário, além claro de sua importância para o setor.

O que é o IGPM?

O IGPM funciona como indicador essencial para a economia e também para diversos outros setores, como o de imóveis. IGPM significa Índice Geral de Preços do Mercado, e costuma ser calculado de forma mensal pela FGV. A cada 30 dias os resultados são divulgados e o mercado usa esses resultados como base para tomar diversas decisões.

Dentre tantas funcionalidades, o IGPM é o índice de referência para os reajustes de aumento na energia elétrica e dos contratos de aluguel. O cálculo costuma ser realizado considerando diversos fatores e variáveis que vão desde as matérias-primas agrícolas até os produtos que são consumidos pelo comprador final na cidade grande.

Como funciona o IGPM?

Como já foi dito anteriormente, o IGPM é responsável por corrigir o valor dos aluguéis e das parcelas acaso o imóvel tenha sido adquirido. Mas, é importante ressaltar que todos esses cálculos desses indicadores consideram diversos setores e vem de uma composição de valores que reúnem inúmeras variáveis menores.

Com isso uma unidade diretamente na planta, possui sua correção realizada durante a obra através da aplicação de um índice e quando o empreendimento é finalizado o indexador passa a ser o IGPM.

A importância do IGPM para o mercado imobiliário

O IGPM possui grande importância na economia do setor imobiliário, pois possui índices com relação direta com o setor, portanto, os corretores deverão considera-lo em seus investimentos. Os dados que são utilizados nessa situação são utilizados em cálculos para reajustes dos aluguéis, para compra e venda de imóveis dentro do país.

Nos reajustes anuais de contratos de aluguel, podem ser encontrados o valor dos 12 meses do IGPM que ficam acumulados e não apenas para as taxas singulares do mês. Para o caso de vendas de propriedades, o valor costuma ser cobrado em parcelas que são relativas às unidades prontas ou após a finalização das construções.

Dessa forma, é sempre importante se manter atualizado com as variações de números que ocorrem com frequência. Uma boa dica é sempre estar atento com as informações que são divulgadas pela FGV sobre o assunto constantemente.

Deixe seu Comentário