Como funciona o Crédito Imobiliário?

O Crédito Imobiliário é uma das mais importantes ferramentas no que diz respeito à possibilidade de financiamento de um imóvel próprio. Suas taxas diferenciadas e sua relativa facilidade de obtenção, considerando-se o tipo de risco, é um dos fatores que tornam o Crédito Imobiliário tão procurado e tão utilizado para o financiamento de imóveis.

Saiba melhor como funciona esse instrumento útil para todas as pessoas que pretendem adquirir um imóvel em breve e, sobretudo, a todos aqueles que possuem estabilidade financeira, mas não contam com o capital completo para adquirir um imóvel.



Entenda como funciona o Crédito Imobiliário, seus usos e categorias:

O que é o Crédito Imobiliário?

Como o próprio nome indica, Crédito Imobiliário é uma categoria de financiamento que permite que pessoas adquiram imóveis ou materiais de construção para imóveis com taxas diferenciadas e maior facilidade de acesso, considerando-se seu valor total.

O financiamento pode ser utilizado para adquirir imóveis comerciais ou residenciais, desde que não sejam rurais, e pode ser aplicado para imóveis novos ou usados. Essa liberdade de utilização é outro dos motivos que garante que o Crédito Imobiliário seja uma excelente opção para compradores.

Ao recorrer a este tipo de financiamento, o imóvel pertence oficialmente à instituição financeira, até que seja totalmente pago. Mesmo assim, durante o pagamento, sua posse é feita pelo comprador. Assim, em caso de não pagamento, o comprador perde a posse do imóvel, evitando grandes conflitos jurídicos – o que permite a facilidade avançada do financiamento.

Quais as vantagens do Crédito Imobiliário em comparação a outros tipos de financiamento?

O Crédito Imobiliário apresenta uma série de vantagens por ser destinado para um bem existente e dificilmente depreciado. Isso significa que este tipo de financiamento geralmente apresenta as melhores taxas do mercado, por consistir em um risco menor para os bancos.

As dívidas também costumam ter prazos bastante longos, o que tende a reduzir as parcelas. Como se trata de um imóvel, é coerente que o pagamento do imóvel possa durar até mais de uma década. Isso permite a diluição do alto valor dos imóveis ao longo dos anos.

Além disso, os financiamentos também podem ser complementados pelos FGTS em nome do comprador, caso o imóvel seja adquirido em sua cidade de residência. Este é, aliás, uma de suas grandes facilidades, pois permite o resgate do fundo sem que seja necessária a demissão ou aposentadoria do trabalhador.

Quais imóveis podem ser financiados através de Crédito Imobiliário?

Como já mencionado, qualquer tipo de imóvel residencial ou comercial urbano pode ser financiado através deste método, desde que seja devidamente legalizado em relação às exigências burocráticas.

Também não há nenhum tipo de restrição quanto a imóveis serem únicos em uma mesmo terreno (como casas), ou plurais, como apartamentos e sobrados. Algumas linhas de créditos não permitem o financiamento para quem já possui casa própria, enquanto outros aceitam – inclusive permitindo o uso de outros imóveis como forma de garantia do crédito.

Por isso, é importante escolher um Crédito Imobiliário que seja adequado à sua situação e, sobretudo, às suas demandas. Dê atenção especial às regras e requisitos ao tentar obter um financiamento para adquirir seu imóvel sem ser engolido pelas taxas de juros regulares do mercado.

Compartilhe este artigo!
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *