Cartão de crédito consignado: como funciona?

Você já ouviu falar em cartão de crédito consignado? Ele é mais uma modalidade oferecida pelo mercado de cartões de crédito e assim como os outros, tem as suas vantagens e desvantagens.

A verdade é que é difícil viver sem o “dinheiro de plástico”, por isso, especialmente em momentos de crise financeira é importante saber escolher bem o seu cartão de crédito para que ele seja um aliado e não vilão que te conduz para o endividamento. Entenda como funciona o cartão de crédito consignado e quais as suas vantagens.



Cartão de crédito consignado versus cartão de crédito “normal”

O seu funcionamento do consignado se assemelha ao de qualquer outro tipo de cartão de crédito, ou seja, o banco oferece um limite em forma de crédito e você realiza as compras de acordo com o que quer e no final, em uma data determinada, quitará a dívida acumulada no mês.

A distinção está em que o consignado propõe que estará vinculado ao seu salário, por esse motivo o pagamento dela já sairá na folha de pagamento e não tem opção de não fazer este pagamento no mês e muito menos fazer pagamentos que sejam abaixo do valor da fatura.

Quem pode fazer um cartão de crédito consignado?

Para poder ser um usuário do cartão de crédito consignado, assim como no crédito consignado, você precisa se encaixar em alguns dos requisitos abaixo, pois é necessário que haja um convênio entre quem paga o salário ou benefício e o banco, para assegurar que os descontos serão feitos em folha: trabalhador com carteira assinada, ser aposentado ou pensionista do INSS, ser funcionário público municipal, estadual ou federal e ser militar das forças armadas.

E qual a diferença entre o cartão de crédito consignado e o empréstimo consignado?

O cartão de crédito consignado e o empréstimo consignado são empréstimos de naturezas distintas. No empréstimo consignado, é muito conhecido pela grande parcela, onde você receberá o valor solicitado, não precisando, tendo que ser aprovado, e irá pagando as parcelas com o seu contracheque. Já no cartão de crédito consignado o valor emprestado será para o pagamento da fatura com os gastos acumulado ao longo do mês.

Ou seja, no empréstimo consignado o valor é entregue ao usuário antes de ser usado e no cartão de crédito consignado o valor é entregue após os gastos, para o seu pagamento.

Como no empréstimo o valor é pré-determinado, os juros que incidem sobre esta modalidade de crédito são menores e ela acaba sendo mais vantajoso do que o cartão de crédito consignado. Porém se compararmos o valor dos juros entre os cartões de crédito normais e o cartão de crédito consignado veremos que o seu valor fica em torno de 5% ao mês, que é menos da metade dos normais.

Quais as vantagens e desvantagens do cartão de crédito consignado?

Uma grande vantagem é que o cartão de crédito consignado não permite o endividamento uma vez que não é possível o não pagamento da fatura. Com isso você não corre o risco de se embolar em dívidas de juros altíssimos. Além disso, o cartão de crédito consignado não tem cobrança de anuidade.

Outra importante vantagem do cartão de crédito consignado é que ele é aprovado mesmo que você esteja com o nome sujo, pois como o pagamento é feito antes mesmo que você receba o seu salário, o banco não corre o risco de você não pagar a dívida.

Como falamos acima, se comparado aos cartões de crédito normais o cartão de crédito consignado é muito mais vantajoso pois oferece taxas de juros que custam menos da metade.

A sua única e principal desvantagem é em relação ao crédito consignado, que apesar de ser uma opção mais segura em relação ao valor a ser emprestado pelo banco, não deixa de ser uma forma de comprometer o seu salário então é preciso ser bem planejado e controlado para se dar bem nessa opção.

Compartilhe este artigo!
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *