O que é Microeconomia?

A economia é uma ciência que permeia toda a sociedade, especialmente dado que quase todos os países do mundo são declaradamente parte de um método produtivo global, que foca as pautas mundiais com base no trabalho e na produção. Neste grande cenário que permeia praticamente todas as coisas que vivemos, é possível dividir as perspectiva em dois aspectos: a microeconomia e a macroeconomia.

Se a economia foca-se, de forma geral, na distribuição e criação de recursos e todas as atividades que as envolvem, a microeconomia é uma espécie de segmentação, focada em um certo tipo de distribuição – mais voltada para o mercado do que para os definidores superiores deste mercado.

Embora o termo microeconomia possa não fazer parte de nosso dia a dia, os efeitos deste estudo e dos fenômenos abordados por ele são parte constante de nossas vidas – em todos os preços, negociações e produtos existentes no mercado.

Saiba mais sobre o que é microeconomia, como ela influencia nossas vidas, e qual é a sua importância no mercado:

O que é microeconomia?

De forma simplificada, pode-se explicar a microeconomia como uma espécie de teoria dos preços. Em outras palavras, é o ramo de estudo que dedica-se a entender como um certo sistema do mercado age frente a certas circunstâncias – resultando em um preço final, influenciando a quantidade de demanda e de oferta, por exemplo.

Embora possa parecer um conceito relaticamente abstrato, o entendimento da microeconomia é bastante simples. Imagine, por exemplo, um sistema onde as pessoas comem milho. Neste mercado, existem alguns produtores – que configuram a oferta de milho e vários consumidores – que configuram a demanda de milho.

A microeconomia pode estudar este mercado específico para entender como a formação do preço se dá: em tempos de baixa produtividade, é possível que o preço do milho torne-se mais alto, pois a demanda é mais significativa em relação à oferta. Por outro lado, se houver uma super-produção, a tendência é que o preço diminua.

Da mesma forma, se um único produtor adquirir todas as terras férteis para milho, ele terá um monopólio, podendo evitar a necessidade de ser competitivo e aumentando o preço artificialmente, na medida em que houver compradores interessados no produto. Isso poderia mudar se, por exemplo, essa sociedade fosse capaz de importar milho de outros locais, ou produzir outros tipos de alimento.

É exatamente sobre estes fatores que a microeconomia concentra-se: em tudo aquilo que influencia na formação de preços dentro da sociedade.

Qual a diferença entre microeconomia e macroeconomia?

Quando falamos em microeconomia, é comum que o termo macroeconomia também venha à tona. Para fazermos uma comparação simples, é possível imaginar que os termos micro e macro façam referência à amplitude do cenário sendo observado.

Quando pensamos em microeconomia, pensamos em setores produtivos e seus consumidores dentro de um mercado. Quando pensamos em macroeconomia, estamos tratando do cenário por completo: uma economia nacional, controlando câmbio, juros e inflação frente a fatores internos e externos que se estabelecem sobre sua consolidação.

A macroeconomia não está diretamente focada na formação de preços, embora a influencie, mas na compreensão de uma sistema econômico por completo.

Como a microeconomia é observada no dia a dia?

Resumidamente, é possível dizer que tudo que tem um preço, teve seu preço formado através de conceitos microeconômicos. Se você pagar cinco reais por uma barra de chocolate, por exemplo, isso significa que este preço foi formado em função da demanda e da oferta, influenciados pelos custos produtivos, por cálculos de elasticidade, impostos, inflação e uma série de outras características.

Sua própria escolha por adquirir um certo chocolate influencia na formação de seu preço, tornando você um agente microeconômico que atua como demanda. Quando este chocolate entra em promoção ou tem seu preço definitivamente reduzido, isso significa que seu valor está respondendo a certas pressões microeconômicas.

Compartilhe este artigo!
  • 1
  •  
  •  
    1
    Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *